O movimento das marés

O MOVIMENTO DAS MARÉS

Basta olhar o mar.

Monossílabo que significa grande quantidade de água salgada.

Palavra de som forte e quando se pensa nela,

imagem que toma conta de todo cenário na nossa imaginação.

Vida. Dissílabo que significa estado de atividade funcional.
Vi – nossa faculdade de visão, as experiências que vivemos,

as situações que enfrentamos ou não mas que estão lá para serem vividas.
Da- doação, generosidade, permuta,

energia trocada e o poder da transformação.
VIDA – a visão da transformação.

Assim também no nosso caminho, o movimento das marés.

Como o mar, subindo e descendo alternadamente.

Ora maré cheia de coisas boas,

ora maré baixa de tormentos e pezares.

As pessoas nos seduzindo ou desagradando.
Corpos celestes ou terrestres sempre em movimento,

igual aos rios que descem pelas montanhas

ou o sangue que corre em nossas veias.

Abismo, mistério ou conhecimento.
Fronteira entre a nossa força e fraqueza. Paixão e revolta.

Entendimento.

E a descoberta, de que somos tanto quanto as marés no seu movimento involuntário,

marinheiros em terras desconhecidas ou capitães,

em ilhas de solidão e de espanto.

 

 

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s